Blog do Prof.João Baiano

EDUCAÇÃO PARA VIDA!

quinta-feira, 24 de março de 2011

ÚLTIMAS NOTÍCIAS!


ESTUDANTES VÃO ÀS RUAS DE SÃO LUÍS PELA VOLTA AS AULAS







SÃO LUÍS (MA) – Na tarde dessa quinta – feira, 31 de Março, centenas de estudantes do ensino médio da rede pública pintaram a cara e saíram às ruas de São Luis para protestar contra a greve dos professores orquestrada pelo Sinproessema. O movimento foi organizado pelos grêmios estudantis das escolas Liceu Maranhense, Margarida Pires Leal, Bacelar Portela, Antonio Ribeiro da Silva, Dayse Galvão, Escola Modelo, Almirante Tamandaré, Cidade de São Luis, Umes e demais entidades estudantis e juvenis de São Luis.

O movimento iniciou com uma grande assembléia de estudantes no auditório do Liceu Maranhense, onde os estudantes discutiram a atual situação do movimento grevista e fizeram uma avaliação sobre a reunião ocorrida na segunda feira dia 28 de março na secretaria de educação, onde a secretária Olga Simão relatou que todos os esforços foram empenhados para que a greve não tivesse ocorrido e mostrou com documentos que o Sinproessema abandonou as negociações e decidiram pela greve sem, contudo, ter finalizado as negociações. Outro fator que deixou os estudantes indignados foi o fato de não ter recebido nenhuma comunicação do sindicato, ou seja, os estudantes que são partes interessadas no processo educacional, não foram comunicados, souberam da greve pela imprensa.




Após a assembléia os estudantes saíram em passeata pela Praça Deodoro, Rua Grande, até a sede do Sinproessema, durante todo o percurso várias lideranças estudantis se revezaram ao microfone para demonstrar sua insatisfação com a intransigência do sindicato em não permitir a volta às aulas, e, a todo momento os estudantes gritavam palavras de ordem, “Ô lê lê, ô lá lá queremos estudar e Sinproessema não quer deixar”; “Queremos estudar”, dentre outras.


Ao chegarem à sede do sindicato os estudantes foram mal recebidos por um pequeno grupo de professores, que tentaram hostilizar os estudantes, inclusive chamando os alunos de vagabundos.

Os estudantes pediram para que o presidente do sindicato, Júlio Pinheiro, fosse até o carro de som na rua para dar uma palavra com os estudantes e foram informados que não havia ninguém da direção do sindicato naquele momento e que estavam em outra atividade, os estudantes não recuaram e começaram a intensificar seus protestos foi quando apareceu o presidente que muito constrangido fez uso da palavra, mas não conseguiu explicar e nem convencer os estudantes sobre os reais motivos da paralisação, e logo em seguida deu as costas para a manifestação e foi embora, sendo muito vaiado pelos presentes ao ato, os estudantes continuaram seu protesto e se retiraram da porta da sede do sindicato mais indignados ainda e prometeram mais protestos para aproxima semana.


AS REDES SOCIAIS DA INTERNET



A grande manifestação hoje protagonizada pelos estudantes de São Luis foi mobilizada em grande parte pelas redes sociais da internet, facebook, Orkut, MSN, Twitter, pois, nas escolas que estão tendo aula os sindicalistas estão tirando os professores a força de sala de aula, como na escola cidade de são Luis, e os alunos não estão indo para as escolas.

Confira o movimento no facebook: Movimento volta às aulas.




O blog Coroatá Online teve acesso à foto da jovem esfaqueada  e do rapaz que cometeu o crime, veja com exclusividade.


Natielly Santos, a vítima, foi encaminhada para a cidade de Presidente Dutra. O acusado está preso e responderá por tentativa de homicídio.



Natielly Santos (Foto: Jardel Scott)


Jeferson - Acusado (foto: (Foto: Jardel Scott)


( do blog Coroatá Online)







Jovem é esfaqueada por namorado após discussão!







Crise em relacionamento ocasionou tragédia na noite de terça feira (30/03) em Coroatá! Por volta das 19:00h a jovem Natiely Santos de 15 anos,foi esfaqueada pelo ex namorado,após não aceitar a reconciliação com o mesmo.O jovem que atende pelo nome de Jéferson,já vinha sem sucesso tentando reatar com Natiely.


Momentos antes do ocorrido o jovem abordou a garota pedindo outra chance, recebendo resposta negativa o jovem atingiu Natatiely com 5 facadas.A jovem ainda tentou fugir clamando por socorro mas logo caiu sem forças e foi socorrida por populares nas proximidades do campo Santa Cruz,local do crime.A SAMU foi imediatamente acionada levando a jovem para o HGM! Devido à gravidade do caso a vítima foi transferida para a cidade de Presidente Dutra, pois apresentava sangramentos em alto grau! Jeferson foi preso logo após quando tentou fugir, mas logo foi pego pelos moradores que ainda quiseram linchá-lo. Segundo depoimento de Natiely que ainda chegou em estado de consciência no hospital,Jeferson usava drogas e é viciado em bebidas alcoólicas e sempre reagia com agressividade quando discutiam.

(colaboração de Antonielson Sousa)






Com 43% dos votos, Maria vence o BBB11 e leva R$ 1,5 milhão para casa









Maria Melilo é a campeã do "Big Brother Brasil 11" e conquista o prêmio de R$ 1,5 milhão. Contrariando os costumes, a atriz é a primeira mulher bonita a levar para casa a fortuna do reality show.


Maria recebeu 43% dos 51.108.875 dos votos do público--que participou por telefone, mensagens de texto e Internet-- contra 31% de seu adversário Wesley. A enquete UOL apontava a preferência dos internautas por Maria, com pequena diferença para Wesley. Há várias semanas, a "sister" estava empatada com Daniel, que também estava cotado para ganhar o prêmio. De acordo com sua entrevista inicial, a atriz havia afirmado que se ganhasse o prêmio ajudaria o Hospital do Câncer, abriria uma loja e compraria uma casa.

"Maria você sabe o por que você venceu?", questionou Pedro Bial. "Eu acho que ganhei pelo tanto que mariei", respondeu a atriz divertindo o apresentador.

Em seu discurso, Pedro Bial afirmou que os preconceitos propagados dentro do reality show foram transformados em conhecimento, reconhecimento e encantamento."Os protagonistas desta edição que divertiram e apaixonaram os espectadores, aparentemente sem intenção, foram Daniel e Maria", afirmou o apresentador. "Maria você encantou o Brasil com sua doçura. Você também Wesley, com sua educação", declarou Bial.

Daniel ficou em terceiro lugar, com 26% dos votos e não teve vergonha de manifestar sua tristeza. "Estou decepcionadíssimo, pois queria ganhar R$ 1,5 milhão", afirmou o administrador para Bial.





Em segundo lugar, com 31% dos votos, Wesley não conteve sua alegria. "Até perder para Maria é bom?", questionou Pedro Bial. "Com certeza. Estou muito feliz por ela", respondeu o médico, que beijou e abraçou a vencedora.

Nascida no dia 22 de novembro de 1983, Maria Helena Melilo foi uma das participantes de maior destaque do programa. Como ela mesma costuma dizer, a atriz paulistana não gosta de passar vontade. Logo na primeira semana de confinamento, engatou um romance com Mauricio, mas o "brother" foi eliminado na segunda semana do jogo.

Pouco tempo depois, no entanto, Wesley entrou na casa e seu porte físico e jeito meigo encantaram a "sister". O clima entre eles era intenso quando Mau Mau retornou ao confinamento por decisão do público. Passado o susto, Maria decidiu que o seu preferido era Mauricio, mas o músico não queria mais saber dela. Após passar semanas insistindo, Maria desistiu de vez do carioca e ficou com Wesley, para desgosto de alguns "brothers". O romance dela com o capixaba estav indo bem dentro do confinamento e eles até fizeram planos para continuar se relacionando após o programa.

Maria também divertiu os colegas com as famosas "mariadas". A "sister" confundiu torneiro mecânico com touro mecânico e achou que aliado era uma coisa ruim, entre outros equívocos.





MORRE AOS 79 ANOS O EX-VICE-PRESIDENTE DA REPÚBLICA JOSÉ ALENCAR!



Ainda no hospital José Alencar recebe a visita da presidenta Dilma e do ex presidente Lula


                              

O ex-vice-presidente da República José Alencar morreu nesta terça (29), às 14h45, por falência múltipla de órgãos, aos 79 anos, no hospital Sírio-Libanês, em São Paulo. O político mineiro lutava contra um câncer na região do abdômen.

Na última das várias internações, Alencar estava desde segunda (28) na Unidade de Terapia Intensiva (UTI) do hospital Sírio Libanês, em São Paulo, com quadro de suboclusão intestinal.

O ex-vice-presidente lutava contra o câncer havia 13 anos, mas nos últimos meses, a situação se complicou. Após passar 33 dias internado – inclusive no Natal e no Ano Novo –, o ex-vice-presidente havia deixado o hospital no último dia 25 de janeiro para ser um dos homenageados no aniversário de São Paulo.

A internação tinha sido motivada pelas sucessivas hemorragias e pela necessidade de tratamento do câncer no abdômen. No dia 26 de janeiro, recebeu autorização da equipe médica do hospital para permanecer em casa. No entanto, acabou voltando ao hospital dias depois. Durante o período de internação, Alencar manifestou desejo de ir a Brasília para a posse da presidente Dilma Rousseff. Momentos antes da cerimônia, cogitou deixar o hospital para ir até a capital federal a fim de descer a rampa do Palácio do Planalto com Luiz Inácio Lula da Silva.

Ele desistiu após insistência da mulher, Mariza. Decidiu ficar, vestiu um terno e chamou os jornalistas para uma entrevista coletiva, na qual explicou por que não iria à posse e disse que sua missão estava “cumprida”. Na conversa com os jornalistas, voltou a dizer que não tinha medo da morte. “Se Deus quiser que eu morra, ele não precisa de câncer para isso. Se ele não quiser que eu vá agora, não há câncer que me leve”, disse.

No mesmo dia, ele recebeu a vista de Lula, que deixou Brasília logo após a posse de Dilma.


Internações


Os últimos meses de Alencar foram de internações sucessivas. Em 9 de fevereiro, ele foi hospitalizado devido a uma perfuração no intestino. O ex-vice-presidente já havia permanecido internado de 23 de novembro a 17 de dezembro para tratar uma obstrução intestinal decorrente dos tumores no abdômen. No dia 27 de novembro, foi submetido a uma cirurgia para retirada de parte do tumor e de parte do intestino delgado.

Alencar passou alguns dias na UTI Cardiológica e começou a fazer sessões de hemodiálise depois que os médicos detectaram piora da função renal. Em setembro de 2010, foi internado em razão de um edema agudo de pulmão. No dia 25 de outubro, voltou ao Sírio-Libanês ao apresentar um quadro de suboclusão intestinal. Dias após a internação, ainda no hospital, sofreu um infarto no fim da tarde do dia 11 de novembro. Foi submetido a cateterismo, “que não mostrou obstruções arteriais importantes”.

Batalha contra o câncer

O ex-vice-presidente travou uma longa batalha contra a doença. Nos últimos 13 anos, enfrentou uma série de operações e tratamentos médicos. Foram mais de 15 cirurgias. Em abril de 2010, desistiu da candidatura ao Senado para se dedicar ao tratamento do câncer.

Desde 1997, foram mais de dez cirurgias para retirada de tumores no rim, estômago e região do abdômen, próstata, além de uma cirurgia no coração, em 2005. A maior delas, realizada em janeiro de 2009, durou quase 18 horas. Nove tumores foram retirados. Exames realizados alguns meses depois, no entanto, mostraram a recorrência da doença. Também em 2009, iniciou em Houston, nos Estados Unidos, um tratamento experimental contra o câncer. Alencar obteve autorização para participar, como voluntário, dos testes com um novo medicamento no hospital MD Anderson, referência no tratamento contra a doença. O tratamento não surtiu o efeito esperado e o então vice-presidente voltou a fazer quimioterapia em São Paulo.

José Alencar era casado com Mariza Campos Gomes da Silva e deixa três filhos: Josué Christiano, Maria da Graça e Patrícia.

(Globo Notícias)

 




O Ex Radialista "Machadinho" é homenageado pela Central da Juventude!








Prof.João Baiano na entrega do prêmio ao ganhador Gilson que ganhou em  3º lugar no ciclismo!




Prof.João Baiano com os atletas ganhadores!




O ex radialista “Machadinho” foi homenageado no último domingo 27/03 em uma corrida de atletismo e ciclismo que ocorreu pelas principais avenidas de Coroatá com concentração na praça José Sarney! O evento foi mais uma mobilização da Central da Juventude de Coroatá em parceria com a prefeitura municipal! Apesar da chuva muitos curiosos lotaram ás ruas para prestigiarem o evento. Todos os participantes receberam premiações, com troféus para 1º, 2º e 3º colocado de Coroatá e para o 1º, 2º e 3º colocado de outras cidades, além de um prêmio de R$ 300,00, R$ 200,00 e R$ 100,00, respectivamente. Os outros participantes ganharam medalhas.



Os vencedores

NO ATLETISMO:






Vencedores de Coroatá - EM 1º LUGAR, MANOEL, EM 2º LUGAR, ANDRÉ EM 3º LUGAR, ADRIANO.


Os vencedores de outros municípios: EM 1º LUGAR, FELIX DE CAXIAS, EM 2º LUGAR, JOSIMAR DE CAXIAS, EM 3º LUGAR, ANDERSON DE TERESINA.





COLOCAÇÃO DOS PARTICIPANTES DO CICLISMO



Vencedores de Coroatá: EM 1º LUGAR, ROGÉRIO, EM 2º LUGAR, LUIS E EM 3º LUGAR, GILSON



Os vencedores de outros municípios : EM 1º LUGAR, MÃO DE PACA DO KM 17, EM 2º LUGAR, JOEL DE CODÓ E EM 3º LUGAR, MARABÁ DE CODÓ.





Confusão no Forum Estadual da Juventude realizado em Timbiras!









A confusão iniciou durante o pronunciamento do deputado Roberto Costa, quando explanava os projetos de Lei que ele já havia apresentado na Assembleia Legislativa. Onde o mesmo salientou sobre as futuras ações que realizaria, assim que assumisse a Secretaria de Juventude.

O secretário Executivo do FEJMA, Rafael Oliveira, sentiu-se incomodado e de forma deselegante interrompeu o deputado, solicitando que encerrasse seu discurso.

As lideranças juvenis e estudantis que participavam do evento começaram a vaiar, o secretário do FEJMA, pela atitude grosseira que teve com o deputado.

Imediatamente aliados de Roberto Costa como o vereador Assis Filho de Pio XII e André Campos ( secretário-adjunto de Juventude), além de diversas lideranças juvenis saíram em defesa do deputado para que sua fala fosse garantida.

 A intolerância foi tanta, por parte dos organizadores do FEJMA, que Rafael Oliveira, solicitou que cortassem o som do microfone do deputado Roberto Costa, para que ele parasse de falar em defesa do Governo do Estado.

A juventude gritava em defesa do deputado. “Udi, Udi,Udi… Roberto é Juventude”.



Ariadna posa nua e fala da troca de sexo: 'Tinha medo de não ter mais orgasmo'





 

"Eu sempre tive vontade (de fazer a operação), mas eu sempre tive medo daquele detalhezinho: ter ou não ter orgasmo. Como uma pessoa inteligente eu fui pesquisar na internet o aparelho reprodutor masculino e vi que não tinha nada a ver. E, claro, procurei o melhor cirurgião, na Tailândia. E então resolvi. E minha amiga [que tinha sido operada] me ligou: 'Vai fazer que acabou de acontecer um comigo!"

Após a cirurgia, Ariadna quer ser reconhecida como mulher e não rotulada de transexual. "A pessoa tem que lutar pelo que se tornou. Se você virou mulher, tem que lutar por isso. Não quero ser a transexual Ariadna, quero ser a mulher Ariadna. Eu não tenho nada contra, mas fui para o outro lado do mundo, sozinha, sem falar inglês, para fazer a operação e voltar com uma plaquinha na cabeça de transexual."


Atrasada por causa do trânsito, a ex-BBB não pôde nem ver antes da entrevista a revista, que chegou hoje às bancas. "Estou com a revista na mão, mas ainda não vi, por incrível que pareça", disse Ariadna. "Estou um pouco emocionada e nervosa."

A revista tem 60 páginas com fotos de Ariadna feitas pelo fotógrafo Bico Stupakoff, além de uma entrevista com a ex-BBB.

Na hora de fazer as fotos, ela disse não ter pudores. "Eu sou bem desinibida, não tenho nenhum problema com nudez, não tenho limite de tabu. Espero que todo mundo que compre aprecie e espero que agrade e mate a curiosidade de todo mundo".




(O Globo)







 
ABERTURA DO 5º PRÊMIO INCENTIVO PROFESSORA PEROZÉ ANA DOS SANTOS




Coroatá - Na última noite de sábado (26), tivemos o pontapé inicial do já conhecido “Oscar da” Educação de Coroatá, o Prêmio Incentivo. Evento que valoriza e reconhece o grande papel do educador, além de incentivá-lo.

Nas primeiras edições tínhamos apenas os professores como premiados, no entanto, viu-se que os secretários, assistentes administrativos, vigias, ASGs, e outros funcionários, mereciam também uma valorização em especial. Foi o que aconteceu com Prêmio do ano passado.

A abertura oficial da 5º Edição, contou com a presença do Prefeito Luis da Amovelar e o Vice Domingos Alberto; o Secretário de Educação Odair José; além de outras autoridades políticas.Cerca de trezentos convidados estiveram prestigiando a abertura – diretores, professores, vigias, assistentes administrativos, assistentes de serviços gerais e empresários da cidade.

( do blog Coroata Online)



A MAÇONARIA E SEUS MISTÉRIOS!(reportagem sugerida por leitores)

 
1. O que é a Maçonaria de nossos dias?






A Maçonaria é uma Ordem Universal formada de homens de todas as raças, credos e nacionalidades, acolhidos por suas qualidades morais e intelectuais e reunidos com a finalidade de construírem uma Sociedade Humana, fundada no Amor Fraternal, na esperança com amor à Deus, à Pátria, à Família e ao Próximo, com Tolerância, Virtude e Sabedoria e com a constante investigação da Verdade e sob a tríade LIBERDADE, IGUALDADE E FRATERNIDADE, dentro dos princípios da Ordem, da Razão e da Justiça, o mundo alcance a Felicidade Geral e a Paz Universal.

2. A Maçonaria é uma sociedade secreta?

A Maçonaria não é uma sociedade secreta, no sentido como tal termo é geralmente empregado. Uma sociedade secreta é aquela que tem objetivos secretos e oculta a sua existência assim como as datas e locais de suas sessões. O objetivo e propósito da Maçonaria, suas leis, história e filosofia tem sido divulgados em livros que estão à venda em qualquer livraria. Os únicos segredos que a maçonaria conserva são as cerimônias empregadas na admissão de seus membros e os meios usados pelos Maçons para se conhecerem.

3. A Maçonaria é uma religião?

A Maçonaria não é uma religião no sentido de ser uma seita, mas é um culto que une homens de bons costumes. A Maçonaria não promove nenhum dogma que deve ser aceito taticamente por todos, mas inculca nos homens a prática da virtude, não oferecendo panacéias para a redenção de pecados. Seu credo religioso consiste apenas em dois artigos de fé que não foram inventados por homens, mas que se encontram neles instintivamente desde os mais remotos tempos da história: A existência de Deus e a Imortalidade da Alma que tem como corolário a Irmandade dos Homens sob a Paternidade de Deus.

4. A Maçonaria é anti-religiosa?

A Maçonaria não é contra qualquer religião. Ela ensina e pratica a tolerância, defendendo o direito do homem praticar a religião de seu agrado. A Maçonaria não dogmatiza as particularides do credo e da religião. Ela reconhece os benefícios e a bondade assim como a verdade de todas as religiões, combatendo, ao mesmo tempo, as suas inverdades e o fanatismo.

5. A Maçonaria é ateísta ou meramente agnóstica?

A Maçonaria não é ateísta nem agnóstica. O ateu é aquele que diz não acreditar em Deus enquanto o agnóstico é aquele que não pode afirmar, conscientemente, se Deus existe ou não. Para ser aceito e ingressar na Maçonaria, o candidato deve afirmar a crença em Deus.

6. A Maçonaria é um partido político?

A Maçonaria não é um partido político. Ela não tem partido. Em princípio, a maçonaria apóia o amor à Pátria, respeito às leis e à Ordem, propugnando pelo aperfeiçoamento das condições humanas. Os maçons são aconselhados a se tornarem cidadãos exemplares e a se afastarem de movimentos cuja tendência seja a de subverter a paz e a ordem da sociedade, e se tornarem cumpridores das ordens e das leis do país em que estejam vivendo, sem nunca perder o dever de amar o seu próprio país. A maçonaria promove o conceito de que não pode existir direito sem a correspondente prestação de deveres, nem privilégios sem retribuição, assim como privilégios sem responsabilidade.

7. A Maçonaria é uma sociedade de auxílios mútuos?

A Maçonaria não é uma sociedade de auxílios mútuos, ela não garante à ninguém a percepção de uma soma fixa e constante a nenhum de seus membros, na eventualidade de uma desgraça ou calamidade pode reclamar tal auxílio. Entretanto, a Maçonaria se empenha para que nenhum de seus membros sofra necessidades ou seja um peso para os outros. O Maçom necessitado recebe de acordo com as condições e as possibilidades dos demais membros da Ordem.

8. A Maçonaria é uma ideologia ou um "ismo"?

A Maçonaria nem é uma ideologia, nem um "ismo". Ela não se envolve com as sutilezas da filosofia política, religiosa ou social. Mas, ela reconhece que todos os homens tem uma só origem, participam da mesma natureza e tem a mesma esperança e, por conseguinte, devem trabalhar em união para o mesmo objetivo - a felicidade e bem estar da sociedade.

9. Então o que é a Maçonaria?

A Maçonaria é uma organização mundial de homens que, utilizando-se de formas simbólicas dos antigos construtores de templos, voluntariamente se uniram para o propósito comum de se aperfeiçoarem na sociedade. Admitindo em seu seio, homens de caráter, sem consideração à sua raça, cor ou credo, a Maçonaria se esforça para constituir uma liga internacional de homens dedicados a viverem em paz, harmonia e afeição fraternal.

10. Qual é a missão da Maçonaria?

A missão da Maçonaria é a de "fazer amigos, aperfeiçoar suas vidas, dedicar-se às boas obras, promover a verdade e reconhecer seus semelhantes como homens e irmãos".

A missão da Maçonaria ainda é a prática das virtudes e da caridade, é confortar os infelizes, não voltar as costas à miséria, restaurar a paz de espírito e a paz aos desamparados e dar novas esperanças aos desesperançados.

11. A Maçonaria convida as pessoas para se filiarem a ela?

A Maçonaria não "convida" ninguém, mesmo aos mais qualificados para se tornarem um membro da Ordem. Aquele que deseja entrar para ela, deve manifestar esse desejo espontaneamente, declarando que livre e conscientemente deseja participar dela.

A Maçonaria não prende nenhum homem a juramentos incompatíveis com sua consciência e liberdade de pensar.

12. Porque a Maçonaria não inicia mulheres?

Tendo evoluído da Maçonaria Operativa que erguia templos no período da construção de catedrais, a Maçonaria adotou a antiga regulamentação que provia o seguinte: "As pessoas admitidas como membros de uma Loja devem ser homens bons e de princípios virtuosos, nascidos livres de idade madura, sem vínculos que o privem de pensar livremente, sendo vedada a admissão de mulheres assim como homens de comportamento duvidoso ou imoral.

A regularidade da maçonaria se deve ao fato de se ater aos seus princípios básicos e imutáveis regidos por mandamentos, entre os quais se inclui o que acima se disse.

13. Por que são chamados de templos os locais de reunião?

Os lugares onde os maçons se reúnem são chamados de templos porque, embora não sendo uma religião ou reunindo-se em uma igreja, a Maçonaria preserva religiosamente os direitos de cada indivíduo praticar a religião ou credo de sua preferência, mantendo-se eqüidistante das diferentes seitas ou credos. Ela ensina a todos como respeitar e tolerar as religiões diversas de seus membros.

14. A Maçonaria Universal obedece a uma autoridade máxima?

Nem mesmo em um país como os Estados Unidos que agora se compõe de 50 Estados e conta com cerca de 4 milhões de Maçons, obedece a Maçonaria a uma autoridade suprema. A Maçonaria em cada país ou em cada estado de uma Federação é regulada e dirigida por uma Grande Loja independente e soberana.


SIGNIFICADO DOS  SÍMBOLOS MAÇONICOS




A Maçonaria, é definida através das instruções maçônicas inglesas, como um sistema peculiar de moralidade, velado por alegorias e ilustrado por símbolos.

Em sua "Encyclopedia of Freemasonry", o sábio Albert Galatin Mackey prefere ir mais longe:

"A Maçonaria é um sistema de moralidade desenvolvido e inculcado pela ciência do simbolismo. Este caráter peculiar de instituição simbólica e também a adoção deste método genuíno de instrução pelo simbolismo, emprestam à Maçonaria a incolumidade de sua identidade e é também a causa dela diferir de qualquer outra associação inventada pelo engenho humano. É o que lhe confere a forma atrativa que lhe tem assegurado sempre a fidelidade de seus discípulos e a sua própria perpetuidade."

De fato, a Maçonaria adotou o método de instrução, ela não o inventou.

A simbologia é a ciência mais antiga do mundo e o método de instrução dos homens primitivos. É graças a ela que tomamos conhecimento hoje, da sabedoria dos povos antigos e dos filósofos. O acervo religioso, cultural e folclórico da humanidade está preservado através do simbolismo, desde a pré-história.

O princípio do pensamento simbólico está fincado em uma época anterior à história, nos fins do período paleolítico. Os mestres da humanidade primitiva, podem ser facilmente localizados, através de estudos sobre gravações epigráficas.

A Maçonaria é a legítima herdeira espiritual das sociedades iniciáticas da antiguidade, porque perpetua o tradicional método de instrução, no ensinamento de suas doutrinas.

Nicola Aslan, em sua obra "Estudos Maçônicos sobre Simbolismo", divide os símbolos maçônicos em cinco classes principais:










Deus, a criação e perfeição



São representados pelo Selo de Salomão ou Escudo de Davi (Estrela de Davi).




Evocação da idéia de Deus



Representada pelo Triângulo, Delta Luminoso ou por Três Pontos ∴



Sol



Representado pelo Círculo com um ponto central.
 
 

Símbolo do Poder



Representado pelo TAU grego.








Medida na pesquisa 

Vontade na aplicação


Representada pelo Malho (ou Malhete).


Discernimento na investigação



Representado pelo Cinzel.


 Precisão na execução,


Profundeza na observação,



Representada pela Perpendicular (prumo).





Emprego correto dos conhecimentos,



Representado pelo Nível.











Representada pela Régua.




Poder da vontade,




Representado pela Alavanca.


 Os quatro elementos herméticos,



Representados pelos elementos clássicos: Ar, Terra, Água, Fogo.









Ainda temos outros símbolos herméticos e alquímicos, como por exemplo:












O Sol e a Lua;




Coluna B (Boaz ou Booz) e Coluna J (Jachim);






O VITRIOL (Visita Interiora Terrae Rectificando Invenies Occultul Lapidem, que significa "visita o interior da terra e, retificando-te, encontrarás a pedra oculta");




Outros símbolos ocultos









A união entre os Maçons,

O amor e a abnegação,



Representados pelo Pelicano.







Representada pela Romã.





Benevolência para com todos,



Representada pela Trolha.







Representada pelo Compasso.
 
 




Retidão na ação



Representada simbolicamente pelo Esquadro.




A LIGAÇÃO DA IGREJA UNIVERSAL DO REINO DE DEUS COM A MAÇONARIA!






                                                                         ( Coluna do Prof.João Baiano)









Estive pesquisando sobre a relação entre o paganismo e as religiões cristãs e o  objetivo aqui não é julgar essa seita, mas apenas mostrar como é fácil dela se apostar devido aos seus ensinamentos de prosperidade errados.

Uma das funções do líder moral na nova era são encorajar os outros a usarem sua própria criatividade para alcançar os objetivos estipulados de comum acordo. È muito comum algumas igrejas escolherem uma pessoa de sucesso para ser o líder moral exemplar. Estive pesquisando sobre ás ligações das religiões com a maçonaria e cheguei à conclusão:

O bispo Edir Macedo é maçôn!

Daí que maçônico em meu tempo de moleque equivalia a um xingamento, daqueles de sair na porrada. Sério, não estou brincando. Para deixar um moleque irado, bastava chamá-lo maçônico.

E, como vim, a saber, agora que o chairman Edir Macedo, o CHEFÃO da Igreja Universal do Reino de Deus é maçônico, veio-me essa reminiscência à mente.

Segundo o que li Edir Macedo é maçon. “adormecido” há décadas e fundou a IGREJA UNIVERSAL DO REINO DE DEUS para ferrar com a Igreja Católica com (ao que parece) a simpatia da Maçonaria. Desde os tempos antigos a igreja católica sempre perseguiu os maçons! Segundo a história, a maçonaria surgiu dos cavaleiros templários que fugiram na chamada guerra santa e levaram consigo um segredo que poderia abalar os pilares do catolicismo. Hoje no vaticano, é possível vê vários maçons do grau 33 permearem pelo seu meio. Sabem, dentro da velha máxima “o inimigo do meu inimigo é meu amigo”. É muito sinistro vê que a Igreja Universal é uma religião que tenta ser a maior rival da Igreja Católica no mundo!Será que a Universal não seria uma organização religiosa que montaria seu poderiu com o apoio da maçonaria?! Pois o catolicismo tem uma dívida história com a mesma no tempo das cruzadas.

Xingava-mos de maçônico, porque por certo estava em nosso consciente infantil gravado alguma coisa ainda do tempo de nossos pais. Aposto que deva ter sido alguma pregação da Igreja Católica contra os maçons.

Que seriam adoradores do diabo e comiam criancinhas? É, pode ser isso sim.

O Vaticano não impôs sua igreja graças a anjinhos benfazejos, abnegados missionários ou por unção do Cristo. Foi na porrada mesmo, sufocando inteligências de toda sorte no decorrer dos tempos.

Como um parâmetro mal formatado, tome hoje a política. Um partido, teoricamente, seria formado por pessoas que pensam diferente de outro ou outros. E o que se vê, são amalgamas fusões, dissoluções, alianças e sufocamentos, entre outros aparelhamentos. Adaptam-se, coligam, recuam, avançam, modificam-se, incluem-se ou excluem-se.

Ou insistem em suas trincheiras.

E a história político-religiosa do mundo ocidental é também recheada de nuances onde já influiu muito o poder e o dinheiro, muito dinheiro. E sangue.

Teoria conspiratória? Sim, tudo que não está exposto para a prática, para a prova pública, consiste apenas em teoria. O que não imprime-lhe incredulidade.

Exemplo? Albert Einsten teorizou que é possível o homem viajar no tempo. Embora não exista ainda tecnologia para a construção da máquina para a viagem, ninguém ainda disse que ele “viajou nessa”.

Uma das características da maçonaria é apoiar seus membros para elevarem sua condição financeira e com a Igreja Universal não é diferente! Vemos nessa instituição religiosa a pressão psicológica para seus membros depositarem suas ofertas e em troca usarem sua fé para prosperarem. É a famosa teologia da prosperidade! Finaliza Prof.João Baiano sobre o assunto.


Polêmica! Maçonaria entra nas igrejas evangélicas. Maçom revela haver muitos batistas e presbiterianos nas reuniões


Em matéria realizada pela revista Cristianismo Hoje, a polêmica dos maçons evangélicos fica cada vez mais evidente. Muitos já vêem como algo comum no meio e crêem que não há problemas ou divergências dentre as duas crenças, visto que muito do que é dito sobre a Ordem Maçônica seria mentira. Abaixo você confere a matéria completa da revista:

Ela costuma causar nos crentes um misto de espanto e rejeição. Pudera – com origens que se perdem nos séculos e um conjunto de ritos que misturam elementos ocultos, boa dose de mistério e uma espécie de panacéia religiosa que faz da figura de Deus um mero arquiteto do universo, a maçonaria é normalmente repudiada pelos evangélicos. Contudo, é impossível negar que a história maçônica caminha de mãos dadas com a do protestantismo. Os redatores do primeiro estatuto da entidade foram o pastor presbiteriano James Anderson, em Londres, na Inglaterra, em 1723, e Jean Desaguliers, um cristão francês. Devido às suas crenças, eles naturalmente introduziram princípios religiosos na nova organização, principalmente devido ao fim a que ela se destinava: a filantropia. O movimento rapidamente encontrou espaço para crescer em nações de tradição protestante, como o Reino Unido e a Alemanha, e mais tarde nos Estados Unidos, com a colonização britânica. Essa relação, contudo, jamais foi escancarada. Muito pelo contrário – para a maior parte dos evangélicos, a maçonaria é vista como uma entidade esotérica, idólatra e carregada de simbologias pagãs.

Isso tem mudado nos últimos tempos. Devido a um movimento de abertura que atinge a maçonaria em todo o mundo, a instituição tem se tornado mais conhecida e perde, pouco a pouco, seu aspecto enigmático. Não-iniciados podem participar de suas reuniões e cada vez mais membros da irmandade assumem a filiação, deixando para trás antigos temores – nunca suficientemente comprovados, diga-se – que garantiam que os desertores pagavam a ousadia com a vida. A abertura traz à tona a uma antiga discussão: afinal, pode um crente ser maçom? Na intenção de manter fidelidade à irmandade que abraçaram missionários, diáconos e até pastores ligados à maçonaria normalmente optam pelo silêncio. Só que crentes maçons estão fazendo questão de dar as caras, o que tem provocado rebuliço. A Primeira Igreja Batista de Niterói, uma das mais antigas do Estado do Rio de Janeiro, vive uma crise interna por conta da presença de maçons em sua liderança. A congregação já estuda até uma mudança em seus estatutos, proibindo que membros da sociedade ocupem qualquer cargo eclesiástico.

Procurada pela reportagem, a Direção da congregação preferiu não comentar o assunto, alegando questões internas. Contudo, vários dos oficiais da igreja são maçons há décadas: “Sou diácono desta igreja há 28 anos e maçom há mais de trinta. Não vejo nenhuma contradição nisso”, diz o policial rodoviário aposentado Adilair Lopes da Silveira, de 58 anos, mestre da Loja Maçônica Silva Jardim, no município de mesmo nome, a 180 quilômetros da capital fluminense. Adilair afirma que há maçons nas igrejas evangélicas de todo Brasil, dezenas deles entre os membros de sua própria congregação e dezesseis entre os 54 membros da loja que frequenta: “Por tradição, a maioria deles é ligada às igrejas Batista ou Presbiteriana. Essas são as duas denominações em que há mais a presença histórica maçônica”, informa.

Um dos poucos crentes maçons que se dispuseram a ser identificados entre os 17 procurados pela reportagem, o ex-policial acredita que a sociedade em geral, e os religiosos em particular, nada têm a perder se deixarem “imagens distorcidas” acerca da instituição de lado. “Há preconceito por que há desconhecimento. Alguns maçons, que queriam criar uma aura de ocultismo sobre eles no passado, acabaram forjando essa coisa de mistério”, avalia. “Já ouvi até histórias de que lidamos com bodes ou imagens de animais. Isso não acontece”, garante. Segundo Adilair, o único mistério que existe de fato diz respeito a determinados toques de mão, palavras e sinais com os quais os maçons se identificam entre si – mas, segundo ele, tudo não passa de zelo pelas ricas tradições do movimento, que, segundo determinadas correntes maçônicas, remontam aos tempos do rei hebreu, Salomão. E, também, para relembrar tempos difíceis. “São práticas que remontam ao passado, já que nós, maçons, fomos muito perseguidos ao longo da história”.

Adilair adianta que não aceitaria uma mudança nos estatutos da igreja para banir maçons da sua liderança. Tanto, que ele e seus colegas de diaconato que pertencem ao grupo preparam-se para, se for o caso, ingressar na Justiça, o que poderia desencadear uma disputa que tende a expor as duas partes em demanda. Eles decidiram encaminhar uma cópia da proposta do regimento ao presidente do Tribunal de Justiça do Rio de Janeiro, desembargador Luiz Zveiter. “Haverá uma enxurrada de ações na Justiça se isso for adiante, não tenho dúvidas”, afirma o diácono. A polêmica em torno da adesão de evangélicos à maçonaria já provocou até racha numa das maiores denominações do país, a Igreja Presbiteriana do Brasil (IPB), no início do século passado (ver abaixo).

O pastor presbiteriano Wilson Ferreira de Souza Neto, de 43 anos, revela que já fez várias entrevistas com o intuito de ser aceito numa loja maçônica do município de Santo André, região metropolitana de São Paulo. O processo está em andamento e ele apenas aguarda reunir recursos para custear a taxa de adesão, importância que é usada na manutenção da loja e nas obras de filantropia: “Ainda não pude disponibilizar uma verba para a cerimônia de iniciação, que pode variar de R$ 1 mil a cinco mil reais e para a mensalidade. No meu caso, o que ainda impede o ingresso na maçonaria é uma questão financeira, e não ideológica” diz Wilson, que é mestre em ciências da religião pela Universidade Presbiteriana Mackenzie e estuda o tema há mais de uma década.

“Pessoas próximas sabem que sou maçom e isso inclui vários membros de minha igreja”, continua o religioso. “Alguns já me questionaram sobre isso, mas após várias conversas nas quais eu os esclareci, tudo foi resolvido”. Na mesma linha vai outro colega de ministério que prefere não revelar o nome e que está na maçonaria há sete anos. “Tenho 26 anos de igreja, seis de pastorado e posso garantir que não há nenhuma incompatibilidade de ser maçom e professar a fé salvadora em Cristo Jesus nosso Senhor e Salvador”, afirma. Ele ocupa o posto de mestre em processo dos graus filosóficos e diz que foi indicado por um pastor amigo. “Só se pode entrar na maçonaria por indicação e, não raro, os pastores se indicam”. Para o pastor, boa parte da intolerância dos crentes em relação à maçonaria provém de informações equivocadas transmitidas por quem não conhece suficientemente o grupo.

“Sem caça às bruxas”

Procurados com insistência pela reportagem, os pastores Roberto Brasileiro e Ludgero Bonilha, respectivamente presidente e secretário-geral do Supremo Concílio da IPB, não retornaram os pedidos de entrevista para falar do envolvimento de pastores da denominação com a maçonaria. Mas o pastor e jornalista André Mello, atualmente à frente da Igreja Presbiteriana de Copacabana, no Rio, concordou em atender CRISTIANISMO HOJE em seu próprio nome. Segundo ele, o assunto é recorrente no seio da denominação. “O último Supremo Concílio decidiu que os maçons devem ser orientados, através do Espírito Santo, sem uso de coerção ou força, para que deixem a maçonaria”, conta Mello, referindo-se ao Documento CIV SC-IPB-2006, que trata do assunto. O texto, em determinado trecho, considera a maçonaria como uma religião de fato e diz que a divindade venerada ali, o Grande Arquiteto do Universo, é uma entidade “vaga”, sem identificação com o Deus soberano, triúno e único dos cristãos.

O pastor, que exerce ainda o cargo de secretário de Mocidade do Presbitério do Rio, lembra que, assim como as diferentes confissões evangélicas têm liturgias variadas e suas áreas de conflito, as lojas maçônicas não podem ser vistas em bloco – e, por isso mesmo, defende moderação no trato da questão. “Vejo algum exagero na perseguição aos maçons, pois estamos tratando de um problema de cem anos atrás, deixando de lado outros problemas reais da atualidade, como a maneira correta de lidar com o homossexualismo”. O pastor diz que há mais presbíteros do que pastores maçons – caso de seu pai, que era diácono e também ligado à associação. “Eu nunca fui maçom, mas descobri coisas curiosas, como por exemplo, o fato de haver líderes maçons de várias igrejas, inclusive daquelas que atacam mais violentamente a maçonaria. “Não acredito que promover caça às bruxas faça bem a nenhum grupo religioso”, encerra o ministro. “Melhor do que aprovar uma declaração contra alguém é procurá-lo, orar por ele, conversar, até ganhar um irmão.”

O presidente do Centro Apologética Cristão de Pesquisa (CACP), pastor João Flávio Martinez, por sua vez, não deixa de fazer sérios questionamentos à presença de evangélicos entre os maçons. “O fato é que, quando falamos em maçonaria, estamos falando de outra religião, que é totalmente diferente do cristianismo. Portanto, é um absurdo sequer admitir que as duas correntes possam andar juntas”. Lembrando que as origens do movimento estão ligadas às crenças misteriosas do passado, Martinez lembra o princípio bíblico de que não se pode seguir a dois senhores. “Estou convencido de que essa entidade contraria elementos básicos do cristianismo. Ela se faz uma religião à medida que adota ritos, símbolos e dogmas, emprestados, muitos deles, do judaísmo e do paganismo”, concorda o pastor batista Irland Pereira de Azevedo.

Aos 76 anos de idade e um dos nomes mais respeitados de denominação no país, Irland estuda o assunto há mais de três décadas e admite que vários pastores de sua geração têm ou já tiveram ligação com a maçonaria. Mas não tem dúvidas acerca de seu caráter espiritual: “Essa instituição contraria os mandamentos divinos ao denominar Deus como grande arquiteto, e não como Criador, conforme as Escrituras”. Embora considere a maçonaria uma entidade séria e com excelentes serviços prestados ao ser humano ao longo da história, ele a desqualifica do ponto de vista teológico e bíblico. “No meu ponto de vista, ela não deve merecer a lealdade de um verdadeiro cristão evangélico. Entendo que em Jesus Cristo e em sua Igreja tenho tudo de que preciso como pessoa: uma doutrina sólida, uma família solidária e razão para viver e servir. Não sou maçom porque minha lealdade a Jesus Cristo e sua igreja é indivisível, exclusiva e inegociável.”

Ligações perigosas

Crentes reunidos à porta de templo da IPI nos anos 1930: denominação surgiu por dissidência em relação à maçonaria.

As relações entre algumas denominações históricas e a maçonaria no Brasil são antigas. Os primeiros missionários americanos que chegaram ao país se estabeleceram em Santa Bárbara (SP), em 1871. Três anos depois, parte desses pioneiros, entre eles o pastor Robert Porter Thomas, fundou também a Loja Maçônica George Washington naquela cidade. O espaço abrigou, em 1880, a reunião de avaliação para aprovação ao ministério de Antônio Teixeira de Albuquerque, o primeiro pastor batista brasileiro. Tanto ele quanto o pastor que o consagrou eram maçons.

Quando o missionário americano Ashbel Green Simonton (1833-1867) chegou ao Brasil, em 12 de agosto de 1859, encontrou, na então província de São Paulo, cerca de 700 alemães protestantes. Sem ter onde reuni-los, Simonton – que mais tarde lançaria as bases da Igreja Presbiteriana do Brasil (IPB) – aceitou a oferta de maçons locais que insistiram para que ele usasse sua loja, gratuitamente, para os trabalhos religiosos. A denominação, que abrigava diversos maçons, sofreu uma cisão em 31 de julho de 1903. Um grupo de sete pastores e 11 presbíteros entrou em conflito com o Sínodo da IPB porque a denominação não se opunha a que seus membros e ministros fossem maçons. Foi então fundada a Igreja Presbiteriana Independente do Brasil (IPI).

Ultimamente, a IPB vem reiteradamente confirmando a decisão de impedir que maçons exerçam não só o pastorado, como também cargos eclesiásticos como presbíteros e diáconos. As últimas resoluções do Supremo Concílio sobre o assunto mostram o quanto a maçonaria incomoda a denominação. Na última reunião, ficou estabelecida a incompatibilidade entre algumas doutrinas maçons e a fé cristã. Ficou proibida a aceitação como membros à comunhão da igreja de pessoas oriundas da maçonaria “sem que antes renunciem à confraria” e a eleição, ao oficialato, de candidatos ainda ligados àquela entidade.

segunda-feira, 21 de março de 2011

MANCHETES EM DESTAQUE!



AMIZADE





Ei! Sorria... Mas não se esconda atrás desse sorriso...

Mostre aquilo que você é, sem medo.

Existem pessoas que sonham com o seu sorriso, assim como eu.

Viva! Tente! A vida não passa de uma tentativa.

Ei! Ame acima de tudo, ame a tudo e a todos.

Não feche os olhos para a sujeira do mundo, não ignore a fome!

Esqueça a bomba, mas antes, faça algo para combatê-la, mesmo que se sinta incapaz.

Procure o que há de bom em tudo e em todos.

Não faça dos defeitos uma distancia, e sim, uma aproximação.

Aceite! A vida, as pessoas, faça delas a sua razão de viver.

Entenda! Entenda as pessoas que pensam diferente de você, não as reprove.

Ei! Olhe... Olhe a sua volta, quantos amigos...

Você já tornou alguém feliz hoje?

Ou fez alguém sofrer com o seu egoísmo?

Ei! Não corra. Para que tanta pressa? Corra apenas para dentro de você.

Sonhe! Mas não prejudique ninguém e não transforme seu sonho em fuga.

Acredite! Espere! Sempre haverá uma saída, sempre brilhará uma estrela.

Chore! Lute! Faça aquilo que gosta, sinta o que há dentro de você.

Ei! Ouça... Escute o que as outras pessoas têm a dizer, é importante.

Suba... faça dos obstáculos degraus para aquilo que você acha supremo,


Mas não esqueça daqueles que não conseguem subir a escada da vida.


Ei! Descubra! Descubra aquilo que há de bom dentro de você.


Procure acima de tudo ser gente, eu também vou tentarEi! Você... não vá embora.




Eu preciso dizer-lhe que... te adoro, simplesmente porque você existe.



Charles Chaplin






Governadora vai a Brasília em busca de recursos







A governadora Roseana Sarney (PMDB) tem viagem agendada para Brasília (DF), na segunda-feira, dia 21. Ela irá aos ministérios tratar de assuntos relacionados ao Maranhão e deve se reunir também com a presidente Dilma Rousseff (PT). A governadora maranhense passará praticamente toda a semana na capital federal, na primeira viagem oficial após a cirurgia a que se submeteu em fevereiro. Com Roseana, devem seguir o secretário estadual de Planejamento, Fábio Gondim, e assessores do governo.

A agenda da governadora em Brasília está sendo montada pela Casa Civil do governo, articulado com a Secretaria de Representação Institucional do governo maranhense no Distrito Federal.

Roseana deve tratar, diretamente, no Ministério dos Transportes, sobre o projeto de duplicação da BR-135. Na semana passada, o Denit anunciou a licitação para o primeiro trecho da obra - entre Estiva e Bacabeira - para o qual foi destinado cerca de R$ 290 milhões. Mas não há previsão para os outros dois trechos. "A governadora virá a Brasília para tratar da inclusão dos outros trechos no Programa de Aceleração do Crescimento", disse o secretário de representação, Chiquinho Escórcio.

De acordo com o secretário de Articulação Política, Hildo Rocha, o governo maranhense está alinhando a agenda da governadora à da presidente Dilma, para que se confirme a estada em Brasília.

Nos ministérios das Cidades e do Turismo, Roseana vai conversar sobre obras para o aniversário de 400 anos de São Luís. Há projetos já definidos no setor de turismo para o quartocentenário.

Além da agenda nos ministérios, a governadora deve se reunir com a bancada maranhense no Congresso Nacional - deputados e senadores. Segundo Chiquinho Escórcio, nesta reunião, ela vai definir o posicionamento do Maranhão, sobretudo em relação à reforma política, que está sendo tratada no Senado e na Câmara. A previsão é de que Roseana retorna de Brasília na próxima quinta-feira, dia 24.




Viagem à capital é a segunda na era Dilma



A viagem de segunda-feira, dia 21, é a segunda de Roseana Sarney a Brasília (DF) desde o início do governo Dilma. A chefe do Executivo maranhense esteve na Capital Federal por ocasião da posse da presidente e ficou cerca de uma semana em reunião com ministros e deputados.

Três obras estão projetadas pelo governo maranhense para a capital do estado - Ponte do Quarto Centenário, Via Expressa e Avenida Metropolitana. Uma delas, a Via Expressa, que vai ligar os bairros Vinhais, Maranhão Novo e Cohafuma ao Jaracaty, criando uma nova rota para fluxo de veículos.

Todas as obras necessitam de recursos federais, por isso a governadora pretende viabilizar convênios com os ministérios das Cidades e dos Transportes, ou incluí-las no PAC.


A governadora Roseana Sarney (PMDB) tem viagem agendada para Brasília (DF), na segunda-feira, dia 21. Ela irá aos ministérios tratar de assuntos relacionados ao Maranhão e deve se reunir também com a presidente Dilma Rousseff (PT). A governadora maranhense passará praticamente toda a semana na capital federal, na primeira viagem oficial após a cirurgia a que se submeteu em fevereiro. Com Roseana, devem seguir o secretário estadual de Planejamento, Fábio Gondim, e assessores do governo.

A agenda da governadora em Brasília está sendo montada pela Casa Civil do governo, articulado com a Secretaria de Representação Institucional do governo maranhense no Distrito Federal.

Roseana deve tratar, diretamente, no Ministério dos Transportes, sobre o projeto de duplicação da BR-135. Na semana passada, o Denit anunciou a licitação para o primeiro trecho da obra - entre Estiva e Bacabeira - para o qual foi destinado cerca de R$ 290 milhões. Mas não há previsão para os outros dois trechos. "A governadora virá a Brasília para tratar da inclusão dos outros trechos no Programa de Aceleração do Crescimento", disse o secretário de representação, Chiquinho Escórcio.

De acordo com o secretário de Articulação Política, Hildo Rocha, o governo maranhense está alinhando a agenda da governadora à da presidente Dilma, para que se confirme a estada em Brasília.

Nos ministérios das Cidades e do Turismo, Roseana vai conversar sobre obras para o aniversário de 400 anos de São Luís. Há projetos já definidos no setor de turismo para o quartocentenário.

Além da agenda nos ministérios, a governadora deve se reunir com a bancada maranhense no Congresso Nacional - deputados e senadores. Segundo Chiquinho Escórcio, nesta reunião, ela vai definir o posicionamento do Maranhão, sobretudo em relação à reforma política, que está sendo tratada no Senado e na Câmara. A previsão é de que Roseana retorna de Brasília na próxima quinta-feira, dia 24.



113 mil pessoas são atingidas pelas chuvas em todo o estado do Maranhão





As fortes chuvas registradas nesta época do ano afetaram mais de 113 mil pessoas em 15 municípios maranhenses. Seis já decretaram situação emergencial: Trizidela do Vale, Pedreiras, Bacabal, Igarapé Grande, São Luís Gonzaga e Coroatá, onde milhares de famílias estão desabrigadas e desalojadas. Outras oito cidades estão sendo monitoradas e uma apresenta situação anormal sem decretação. As enchentes e enxurradas ocorrem, principalmente, nas regiões banhadas pelos rios Mearim, Itapecuru, Tocantins e Parnaíba.

Segundo o Centro Nacional de Gerenciamento de Riscos de Desastres (Cenad), vinculado à Secretaria Nacional de Defesa Civil (Sedec), 113.557 pessoas foram afetadas pelas chuvas no estado. Segundo classificação do órgão, o Maranhão foi a terceira unidade da Federação mais atingida por enchentes e enxurradas, ficando atrás apenas de Santa Catarina (621.669 vítimas) e Espírito Santo (153.032 vítimas).

Trizidela do Vale é o município mais castigado pelas chuvas. Na cidade, 5.721 pessoas já perderam as casas ou estão impedidas de ocupá-las por causa da cheia do rio Mearim. Muitas passaram a viver em abrigos improvisados, entre os quais um hospital desativado, uma escola e um parque de exposições de animais. Outras foram acolhidas por parentes.

Preocupação - O quadro também é preocupante nos municípios de Pedreiras e Bacabal. No primeiro, há 2.445 pessoas desalojadas e 1.580 desabrigadas. No segundo, o número de desabrigados (2.300) supera em quase quatro vezes o de desalojados (670), o que mostra que as conseqüências das chuvas foram muito mais arrasadoras para essa população.

Em cinco cidades (Bacabal, Imperatriz, Pedreiras, São Luís Gonzaga e Trizidela do Vale), o nível dos rios é considerado acima do normal. Trizidela, novamente, apresenta a situação mais preocupante, pois o nível do rio Mearim atingiu 5,53m, continua subindo e ameaça fazer mais vítimas. Em Coroatá e Igarapé Grande, o nível dos rios Itapecuru e Mearim também não pára de subir, mas o cenário apresenta-se indefinido, de acordo com relatório divulgado pela Cedec, no último dia 19.

O auxílio enviado até o momento pelo Governo Federal não condiz com a realidade trágica das cidades maranhenses onde as chuvas causaram estragos. De acordo com o site da Secretaria Nacional de Defesa Civil (Sedec), foram destinados ao estado 2 mil cestas básicas e 340 barracas, o que não chega a atender nem 5% das pessoas atingidas.

Meteorologia - A previsão meteorológica para hoje é de mais chuva em diferentes regiões do Maranhão. Dados da Cedec, levantados pelo Centro de Previsão de Tempo e Estudos Climáticos (CPTEC), Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais (INPE) e Núcleo Geoambiental (Nugeo) da Universidade Estadual do Maranhão (Uema) indicam que o tempo estará parcialmente nublado, com possibilidade de pancadas de chuvas em São Luís. Imperatriz, Caxias e Bacabal apresentarão céu parcialmente nublado, com pancadas de chuva. Em Pedreiras e Trizidela do Vale, a previsão é de variação de nebulosidade, com pancadas de chuva.




Maranhão em Alerta!


Orientações sobre prevenção contra os efeitos de chuvas e outros agentes ambientais, além de informações climáticas do estado, agora ganham um espaço especializado na internet. É o portal Maranhão em Alerta, que será lançado pelo Governo do Estado, por meio da Secretaria de Comunicação Social, hoje, às 15h, no auditório do Palácio dos Leões.

A criação do site deve-se à demanda de informações do gênero, registrada nos primeiros meses do ano, devido ao alto índice de precipitação pluviométrica no estado, o que afeta a vida de inúmeras famílias. A intenção, neste primeiro momento, é orientar principalmente moradores de regiões ameaçadas pelas fortes chuvas sobre quais procedimentos adotar em casos de alagamentos e enchentes.

"O Maranhão em Alerta é uma iniciativa pioneira. Nenhuma outra instituição ou órgão tem projeto parecido com este do Governo do Estado. Esperamos que, com essa forma de conscientização, possamos reduzir os males causados pelo período chuvoso", destacou o secretário de Comunicação, Sérgio Macedo. E ele assegurou: "Esse portal será permanente. Um serviço de prevenção e alerta constante, realizado diante de qualquer manifestação climática", destacou.

São parceiros da iniciativa órgãos como Defesa Civil, Instituto de Meteorologia da Universidade Estadual do Maranhão (Uema), Corpo de Bombeiros (CBMMA), Secretaria de Saúde (SES), Centro de Informações Estratégicas de Vigilância em Saúde (CIEVS), Secretaria de Segurança (SSPMA), Companhia Energética do Maranhão (Cemar) e Departamento Estadual de Trânsito (Detran). Todos municiarão a Secretaria de Comunicação com informações relevantes sobre o tema.

"A população precisa ser orientada sobre os riscos que o período chuvoso pode causar e o portal Maranhão em Alerta servirá exatamente para isso".

Roseana reforça aliança política com sua base na Assembléia








A Governadora Roseana Sarney (PMDB) abriu os números e mostrou aos deputados estaduais de sua bancada, toda a situação financeira e administrativa do Estado. De acordo com a governadora, o objetivo é dar subsídio aos parlamentares para que possam atuar de forma mais embasada na defesa dos interesses do governo na Assembléia Legislativa.
 Roseana tratou especificamente de cada ponto das áreas mais importantes do estado, ouviu os deputados e definiu que o Executivo vai estreitar os laços com o Legislativo. De acordo com a governadora, o encontro teve a finalidade de estabelecer um plano de trabalho entre os dois Poderes.

Participaram do almoço todos os membros da bancada do governo - incluindo os deputados licenciados Ricardo Murad (Saúde) e Victor Mendes (Meio Ambiente) - e mais Camilo Figueiredo (PDT) e André Fufuca (PSDB), eleitos por legendas de oposição.

Para Roseana, o encontro foi uma maneira harmoniosa de trabalhar e de conversar sobre projetos e programas, tendo como maior beneficiada a população. "Essa é uma demonstração da relação saudável que mantemos tanto com o Legislativo quanto com o Judiciário, de respeito ao trabalho e de parceria nas ações buscando fazer o melhor pelo nosso estado", afirmou Roseana Sarney.

O almoço no Palácio dos Leões começou em clima de descontração. Roseana decidiu registrar o momento em uma foto, nos jardins do Palácio dos Leões. Após a confraternização, seguiu para o auditório, onde fez pessoalmente a explanação sobre cada ponto do governo. "Ela deixou claro que espera um relacionamento respeitoso e estreito com a Assembléia. E garantiu que vai intensificar o contato com os deputados", disse o líder do Bloco União Democrática, Eduardo Braide (PMN).

Questionamentos - Roseana não se furtou a nenhum questionamento dos parlamentares. Do presidente da Assembléia, Arnaldo Melo (PMDB), por exemplo, ouviu questionamentos relacionados ao transporte escolar no interior maranhense. A governadora revelou, neste aspecto, que o governo pretende repassar escolas de Ensino Fundamental sob sua responsabilidade para a administração dos municípios, garantindo maior número de alunos no Censo Escolar, e conseqüente aumento de recursos para educação nestas cidades.

De acordo com Arnaldo Melo, o encontro foi uma oportunidade de os parlamentares, afinados politicamente com o governo, discutirem sobre a política pública que a governadora pretende implementar no Maranhão.

"Viemos ouvir e conversar a respeito das mensagens que a governadora encaminhará às lideranças e blocos que a apóiam. A Mesa Diretora da Assembléia está presente e disponível para trabalhar naquilo que for positivo na agenda elaborada pelo governo", destacou o presidente da Assembléia Legislativa.

Também presente ao almoço, o secretário de Articulação Política, Hildo Rocha, conversou pessoalmente com cada um dos deputados. Pediu que eles sejam parceiros do governo na relação com os municípios maranhenses. "A governadora quer atuar fortemente em todos os municípios, em todas as áreas. Além dos prefeitos, os deputados têm papel importante nesta articulação", disse o secretário.

O líder do governo na Assembléia, deputado estadual Manoel Ribeiro, disse ser favorável à aproximação entre o Poder Legislativo e o Executivo. "Isso mostra que governadora Roseana quer governar o Maranhão com a Assembléia Legislativa. E, com isso, conta com os 33 deputados da base do governo e mais alguns parlamentares simpatizantes".
 Além da reunião com a governadora, os deputados terão encontros mensais com os seus principais auxiliares para garantir a atualização constante dos temas a serem abordados na Assembléia.

As ações do governo



Infra-estrutura - Ela garantiu aos deputados que pretende interligar, por asfalto, todos os municípios maranhenses.




Saúde - "Estamos concluindo a construção de 72 hospitais e 10 Upas; e vamos tratar com o Governo Federal sobre o funcionamento e manutenção destes hospitais".


Educação - "Roseana reforçou aos deputados os dados que mostram estar no Maranhão os professores mais bem-remunerados do país; e pediu que isso fosse reforçado na AL".


Segurança - na viagem que fará a Brasília, a governadora tratará, também, da liberação rápida de recursos para modernização e ampliação do Sistema Penitenciário do Maranhão.




Abastecimento - A Caema deve atuar para corrigir problemas de abastecimento, sobretudo nos municípios que receberam obras nessa área do antigo "Projeto Alvorada".

( Imirante.com)



 

Dicas para melhorar sua vida sexual




                                      



1. Namore-se. Curta o seu corpo, o seu jeito de ser.


2. Sinta-se sexy. Sensualidade vem de dentro. Essa história de só ver defeito em si mesma não está com nada.


3. Dedique-se ao prazer. Abrir espaço na agenda para o sexo já é meio caminho andado.


4. Priorize seus desejos. Não adianta só ficar realizando o desejo do parceiro. Os seus são muuuuito importantes!


5. Fantasie. Deixar a imaginação fluir é um excelente afrodisíaco.


6. Seja você mesma. Não adianta querer copiar o estilo sexual de outra pessoa. Cada um tem o seu. Capriche nele.


7. Visite uma loja erótica. Esse passeio pode render ótimas inspirações.


8. Tenha camisinhas e lubrificantes sempre à mão. Isso é importante para que o clima possa surgir a qualquer momento - sem enfrentar algum impedimento.


9. Pense mais em sexo. Isso estimula o desejo sexual.


10. No caso das mulheres vá ao ginecologista para ver se está tudo OK. Além de tranquilizá-la, o médico pode dar boas dicas sobre os métodos de última geração para evitar uma gravidez fora de hora, por exemplo.


11. Converse sobre sexo com o parceiro´ou parceira. Manter um diálogo aberto sobre suas preferências  são importantes para garantir o prazer de ambos.


12. Informe-se muuuito. Esclarecer dúvidas e descobrir coisas novas sobre sexo são ingredientes importantes para a vida sexual.


13. Mapeie suas áreas erógenas. Há quanto tempo você não faz isso? Ou será que nunca fez? A gente precisa ficar sempre buscando novos e interessantes pontos de excitação no próprio corpo. Procure as zonas erógenas dele. Seu parceiro(ou parceira agradece! E com certeza a relação de vocês será muito mais gostosa.


14. Afaste a preguiça. Aquela história de "vamos deixar para amanhã?" pode ser fatal ao desejo. Que tal deixar a preguiça de lado?


15. Busque um terapeuta sexual, caso algo a incomode muito. Vencer o preconceito de ir a um especialista é um ato de coragem. E também a melhor maneira de garantir uma melhora na vida sexual.


16. Estipule limites. Se você não gosta de alguma coisa na cama, melhor não fazer. Experimente novas posições. Você pode se surpreender!


17. Ria na cama. Sexo combina muito com bom-humor e boas risadas.


18. Não se preocupe demais. Cobranças e preocupações são fatais ao prazer.


19. Descubra novas técnicas. Sabia que há maneiras de o sexo anal ser mais prazeroso, por exemplo? Que tal procurar essas dicas?


20. Jogue fora o script. Para que ficar seguindo o roteiro de sempre? Deixar rolar é mais bacana.


21. Desligue-se do mundo. Celular, telefone, TV ligada ou qualquer outra interferência devem ser abolidas da hora do sexo. Isso tudo atrapalha muito!


22. Dê uma olhada em vídeos eróticos. Não é para fazer igual, não. É só para, quem sabe, ter algumas ideias!


23. Confie no seu taco! Autoestima é fundamental, para todos os setores da vida!
 
 
 




BARACK OBAMA NO BRASIL






Veja e leia a íntegra do discurso de Obama no Theatro Municipal:


Alô, Rio de Janeiro.



Alô, Cidade Maravilhosa.


Boa tarde, todo o povo brasileiro.






Desde o momento em que chegamos o povo desta nação tem gentilmente mostrado à minha família o calor e a generosidade do espírito brasileiro, obrigado. Quero agradecer a todos por estarem aqui, pois me disseram que há um jogo do Vasco ou do Botafogo... Eu sei que os brasileiros não abrem mão de seu futebol tão facilmente.

Uma das primeiras impressões que tive do Brasil veio de um filme que vi com minha mãe quando eu era muito pequeno. Um filme chamado "Orfeu negro", que se passava nas favelas durante o carnaval. E minha mãe adorava aquele filme, tinha música e dança e como pano de fundo, os lindos morros verdes. Esse filme estreou primeiramente como uma peça bem aqui, no Theatro Municipal.

Minha mãe já faleceu, mas ela jamais imaginaria que a primeira viagem de seu filho ao Brasil seria como presidente dos EUA. Ela jamais imaginaria isso. E eu jamais imaginaria que este país seria ainda mais bonito do que no filme. Vocês são, como cantor Jorge Benjor diz, “um país tropical abençoado por Deus e bonito por natureza”.

Vi essa beleza nas encostas dos morros, nas infindáveis milhas de areia e oceano e nas vibrantes e diversificadas multidões de brasileiros que vieram aqui hoje. E nós temos um grupo maravilhosamente misturado: cariocas, paulistas, baianos, mineiros. Temos homens e mulheres das cidades até o interior e tanta gente jovem aqui, que são o grande futuro desta grande nação.

Ontem tive um encontro com sua maravilhosa nova presidente, Dilma Rousseff, e conversamos sobre como fortalecer a parceria entre nossos governos. Mas hoje quero falar diretamente com o povo brasileiro sobre como podemos fortalecer a amizade entre nossos países. Vim aqui para compartilhar algumas ideias, pois quero falar sobre os valores que compartilhamos, as esperanças que temos em comum e a diferença que podemos fazer juntos.

Se você parar para pensar, as jornadas dos EUA e do Brasil começaram de formas parecidas. São duas terras com abundantes recursos naturais, terras natais de povos indígenas antiquíssimos. As Américas foram descobertas por homens que vieram do outro lado do oceano como um “novo mundo” e colonizadas pelos pioneiros que ampliaram os territórios rumo ao Oeste atravessando imensas fronteiras. Nos tornamos colônias dominadas por coroas distantes, mas logo declaramos nossa independência e em seguida recebemos grandes quantidades de imigrantes em nossas costas e mais tarde, depois de muita luta, limpamos a mancha da escravidão de nossas terras.

Os EUA foram a 1ª nação a reconhecer a independência do Brasil e a 1ª a estabelecer um posto diplomático neste país. O primeiro líder de um país a visitar os EUA foi Dom Pedro II. Na Segunda Guerra Mundial nossos corajosos homens e mulheres lutaram lado a lado pela liberdade. E depois da guerra, nossas duas nações lutaram para conseguir as bênçãos plenas da liberdade.

Nas ruas dos EUA, homens e mulheres marcharam e sangraram e alguns até morreram para que todos os cidadãos pudessem usufruir das mesmas liberdades e oportunidades, não importa como fosse sua aparência, não importa de onde você viesse. No Brasil vocês lutaram contra duas décadas de ditadura , lutando pelo mesmo direito de ser ouvidos, o direito de ser livres, livres do medo, livres da necessidade. E mesmo assim, durante anos, a democracia e o desenvolvimento demoraram a se estabelecer e milhões sofreram por causa disso.

Mas venho aqui hoje porque esses dias passaram. Hoje o Brasil é uma democracia desabrochando, um lugar onde as pessoas são livres para falar o que pensam e escolher seus líderes e onde um garoto pobre de Pernambuco pode sair de uma fábrica de cobre e chegar ao gabinete mais elevado no país. Na última década, o progresso feito pelo povo brasileiro inspirou o mundo.

Pois hoje metade deste país é considerado classe média. Milhões foram retirados da pobreza. Pela primeira vez a esperança está voltando a lugares onde antes prevalecia o medo. Eu vi isso hoje, quando visitei a Cidade de Deus. Não se trata apenas dos novos esforços com segurança e programas sociais. E quero dar os parabéns ao prefeito e ao governador pelo excelente trabalho que estão fazendo. Mas também é uma mudança de atitude.

Como um jovem morador disse, as pessoas não devem olhar a favela com pena, mas como uma fonte de presidentes, advogados, médicos, artistas e pessoas com soluções. A cada dia que passa, o Brasil é um país com mais soluções. Na comunidade global vocês passaram de contar com o ajuda de outros países a agora ajudar a lutar contra a pobreza e a doença onde quer que elas existam.

Vocês desempenham um papel importante nas instituições globais ao promover nossa segurança como um todo e nossa prosperidade como um todo. E vocês receberão o mundo em seu país quando a Copa do Mundo e os Jogos Olímpicos vierem ao Rio de Janeiro. Vocês sabem que esta cidade não foi minha primeira escolha para os jogos olímpicos, mas, se os jogos não pudessem ser realizados em Chicago, não tem lugar em que eu gostaria mais de vê-los do que aqui no Rio.

Por isso pretendo voltar em 2016 para ver o que acontece. O Brasil foi durante muito tempo um país cheio de potencial, mas atrasado pela política, tanto aqui quanto no exterior. Durante muito tempo o Brasil foi o “país do futuro” e disseram para que ele esperasse pelos dias melhores que viriam em breve. Meus amigos, este dia finalmente chegou. Este não é mais o “país do futuro”, as pessoas do Brasil devem saber que o futuro já chegou e está aqui agora. É hora de tomar posse dele.

Nossos países nem sempre concordaram em tudo. E assim como ocorre com muitas nações, teremos nossas diferenças de opinião ao avançar. Mas estou aqui para lhes dizer que o povo americano não apenas reconhece o sucesso do Brasil, nós torcemos pelo sucesso do Brasil enquanto vocês confrontam os muitos desafios que ainda enfrentam em casa e no exterior, vamos ficar juntos, não são como parceiros sênior e júnior, mas como parceiros iguais, unidos pelo espírito do interesse comum e do respeito mútuo, comprometidos para com o progresso que sei que podermos fazer juntos.

Tenho certeza de que podemos fazer isso. Juntos, podemos aumentar nossa prosperidade em comum. Sendo duas das maiores economias do mundo, trabalhamos lado a lado durante a crise financeira para restaurar o crescimento e confiança. E para manter nossas economias crescendo, sabemos do que é necessário em ambas as nações. Precisamos de uma força de trabalho capacitada e é por isso que empresas brasileiras e americanas assumiram um compromisso de aumentar o intercâmbio de estudantes entre nossas nações.

Precisamos de um compromisso com a inovação e a tecnologia, por isso concordamos em aumentar a cooperação entre nossos cientistas, pesquisadores e engenheiros. Precisamos de infra estrutura da mais alta qualidade e por isso as empresas americanas também querem ajudá-los a construir e preparar a cidade para o sucesso olímpico. Numa economia globalizada, os EUA e o Brasil deveriam expandir o comércio, expandir investimentos, de modo a criar novos empregos e novas oportunidades em ambas nossas nações por isso estamos trabalhando para derrubar barreiras para fazer negócios.

Por isso estamos criando relacionamentos mais próximos entre nossos trabalhadores e nossos empreendedores. Juntos também podemos trabalhar pela segurança da energia e proteger nosso lindo planeta.

Sendo dois países comprometidos com economias mais verdes, sabemos que a solução definitiva ao desafio da energia virá da criação de fontes de energias limpas e renováveis. Por isso a metade dos carros daqui podem circular com biocombustível e a maior parte de sua eletricidade vem de hidroelétricas. E por isso também demos início a uma nova indústria limpa de energia nos EUA. Por isso os EUA e o Brasil estão criando novas parcerias na área de energia, para compartilhar, criar novos empregos e deixar para nossos filhos um mundo mais limpo e mais seguro do que encontramos.

Juntas, nossas duas nações também podem ajudar a defender a segurança de nosso cidadãos. Estamos trabalhando juntos para deter o narcotráfico que destruiu vidas demais neste hemisfério. Buscamos o objetivo de um mundo sem armas nucleares. Estamos trabalhando juntos para aumentar nossa segurança ente hemisférios. Da África ao Haiti, estamos trabalhando lado a lado para combater a fome, doença e corrupção que podem apodrecer uma sociedade e roubar seres humanos de sua dignidade e oportunidades.

Sendo dois países que foram tão enriquecidos pela herança africana, é vital que trabalhemos juntos com o continente africano para ajudá-lo a se erguer. É algo que devemos nos comprometer a fazer, juntos. Hoje também estamos dando apoio e ajuda ao povo japonês em sua maior hora de necessidade. Os laços que unem nossa nação ao Japão são fortes. O Brasil é o lar da maior população japonesa fora do Japão. Nos EUA, solidificamos uma aliança com eles que já tem mais de 60 anos.

Os japoneses são alguns de nossos amigos mais próximos e ficaremos ao lado deles, rezaremos com eles e reconstruiremos com eles até que essa crise esteja terminada. Nestes e em outros esforços para promover paz e prosperidade no mundo todo, os EUA e o Brasil são parceiros não apenas porque compartilhamos história ou por estarmos no mesmo hemisfério, não apenas por compartilharmos laços de comércio e cultura, mas também porque compartilhamos de valores e ideais duradouros.

Ambos acreditamos no poder e na promessa da democracia, acreditamos que nenhuma forma de governo é mais eficaz na promoção de crescimento e prosperidade que alcança todo ser humano, não apenas alguns, mas todos. E aqueles que discordam dizendo que a democracia atrapalha o crescimento econômico devem argumentar com o exemplo do Brasil. Com os milhões que subiram da pobreza para a classe média não o fizeram numa economia fechada controlada pelo estado, mas o fizeram como um povo livre, com mercados livres e um governo que responde a seus cidadãos.

Vocês são a prova de que justiça social e inclusão social podem ser melhor conquistadas por meio da liberdade e que a democracia é a maior parceira do progresso humano. Também acreditamos que em países tão grandes e diversos quanto os nossos, moldados por gerações de imigrantes de todas as raças, fés e culturas, a democracia dá a maior esperança de que todos os cidadãos sejam tratados com dignidade e respeito. E que podemos resolver nossas diferenças pacificamente e encontrar força em nossa diversidade.

Nós sabemos nos EUA como é importante poder trabalhar juntos, mesmo quando discordamos. Entendo que a forma de governo que escolhemos pode ser lenta e confusa. Entendemos que a democracia precisa ser fortalecida e aperfeiçoada com o tempo. Sabemos que diferentes países escolhem caminhos diferentes para atingir a promessa da democracia. E entendemos que nenhum país deve impor sua vontade sobre outro.

Mas também sabemos que existem certas aspirações compartilhadas por todo ser humano. Todos queremos ser livres, queremos ser ouvidos, todos ansiamos por viver sem medo ou discriminação. Todos queremos escolher como seremos governados. Todos querem moldar seu próprio destino. Esses não são ideais americanos ou ideais brasileiros, não são ideais ocidentais, são direitos universais. E devemos apoiá-los em toda parte. Hoje estamos vendo a luta por esses direitos acontecendo no Oriente Médio e no Norte da África.

Vimos uma revolução nascer de um anseio por dignidade humana básica na Tunísia e vimos manifestantes pacíficos, homens e mulheres, jovens e velhos, cristão e muçulmanos, ocupando praça Tahir e vimos o povo da Líbia se defendendo corajosamente contra um regime determinado a tratar com brutalidade seus próprios cidadãos. Em toda parte vimos jovens se erguendo. Uma nova geração exigindo o direito de determinar seu próprio futuro.

Desde o início deixamos claro que a mudança que buscam devem ser impulsionadas pelo seu próprio povo. Mas para nossos dois países, para os EUA e para o Brasil – duas nações que passaram muitas gerações lutando para aperfeiçoar suas próprias democracias – os EUA e o Brasil sabem que o futuro de nosso mundo era determinado pelo seu povo. Ninguém pode dizer ao certo como essa mudança terminará. Mas eu sei que mudança não é algo que devemos temer.

Quando os jovens insistem que as correntes da História estão se movendo, a carga do passado pode ser apagada. Quando homens e mulheres exigem pacificamente seus direitos humanos nossa humanidade em comum é acentuada. Onde quer que a luz da liberdade seja acesa, o mundo se torna um mais luminoso.

Esse é o exemplo do Brasil. Esse é o exemplo do Brasil. Brasil, um país que prova que uma ditadura pode se tornar uma próspera democracia. Brasil, um país que mostra que a democracia entrega liberdade e oportunidade a seu povo. Brasil, um país que mostra que um grito por mudanças vindo das ruas pode mudar uma cidade, mudar um país, mudar o mundo. Há décadas, foi aqui fora, na praça da Cinelândia, o grito por mudança foi ouvido aqui, estudantes e artistas e políticos de todas as correntes ergueram faixas que diziam “abaixo a ditadura”, as pessoas no poder.

Suas aspirações democráticas não seriam realizadas ainda por muito tempo. Mas um dos jovens brasileiros envolvidos naquele movimento iria mudar para sempre a história deste país. A filha de um imigrante. Sua participação no movimento fez com que fosse presa e torturada por seu próprio governo. Ela sabe o que é viver sem seus direitos mais básicos pelos quais tantos lutam hoje. Mas ela também sabe o que é perseverar. Ela sabe o que é triunfar. Porque hoje é ela é a presidente de seu país, Dilma Rousseff.

Nossos dois países enfrentam muitos desafios. Na estrada à nossa frente, com certeza encontraremos muitos obstáculos. Mas no fim, é nossa história que nos dá esperança para um amanhã melhor. É o conhecimento de que os homens e mulheres que vieram antes de nós superaram desafios maiores que estes e que vivemos em lugares em que pessoas comuns fizeram coisas extraordinárias.

Esse senso de possibilidade e de otimismo que primeiro atraiu pioneiros a este mundo. E isso une nossas nações como parceiros nesse novo século. por isso acreditamos nas palavras de Paulo Coelho, um de seus mais famosos escritores, que "com a força de nosso amor e nossa vontade podemos mudar nosso destino. E também o destino de muitos outros”.

Muito obrigado. E que Deus abençoe nossas duas nações.

(Jornal O Globo)







Políticos e artistas comentam discurso de Obama no Municipal




O discurso do presidente dos Estados Unidos, Barack Obama, no Theatro Municipal foi bem recebido por políticos e artistas que convidados para evento e ouvidos pelo G1.
O americano foi aplaudido de pé depois de um pronunciamento em que arriscou várias palavras em português, como “cidade maravilhosa”, e destacou que Brasil e EUA devem ser "parceiros iguais".



Enquanto Obama discursava, no entorno do teatro, alguns grupos fizeram protestos contra a presença do líder americano.






Segundo a ministra do Supremo Tribunal Federal Ellen Gracie, Obama demonstrou, no discurso, que Brasil e Estados unidos têm mais pontos comuns do que diferenças.

"Acho que ele fez as ligações históricas de maneira muito feliz, mostrando nossas convergências e possibilidades. Ele destacou que temos mais convergências que divergências", disse.





Para a atriz Taís Araújo, Obama foi "respeitoso" com o Brasil. "Achei emocionante e me surpreendi. Ele sabe muito da nossa história, procurou falar português, e mostrou a importância que o Brasil tem no cenário mundial. Achei que ele foi respeitoso até na hora de falar das nossas divergências", afirmou.






O secretário de Segurança Pública do Rio de Janeiro, José Mariano Beltrame, também destacou o conhecimento que Obama demonstrou ter sobre o Brasil e disse esperar que as parcerias entre os dois países sejam incrementadas.

"É uma pessoa que parece muito familiarizada com o Brasil. Espero que nossos laços melhorem e que juntos possamos contar cada vez mais com a ajuda deles, e vice-versa. Ele pareceu muito inteirado com o Brasil e com a realidade do Rio de Janeiro. Falou uma linguagem que os brasileiros puderam entender bem", afirmou.




O ator Lázaro Ramos disse que o norte-americano soube conquistar os brasileiros. "Hoje eu entendi o poder dele de conquistar as pessoas. Ele tem um carisma muito grande. Ele usou símbolos sociais, citou o combate à ditadura no Brasil, deu importância ao nosso país."






Já a ex-candidata à Presidência da República Marina Silva (PV-AC) afirmou que o presidente americano deveria ter se aprofundado mais na questão ambiental. Segundo ela, é necessário um debate urgente sobre uso da energia nuclear. Atingido por um terremoto de magnitude 8,9, o Japão enfrenta riscos de graves vazamentos nucleares.

"Faltou a questão das mudanças climáticas num contexto que atualize as políticas direcionadas a evitar o aquecimento global, e faltou a questão da energia nuclear. A tragédia que aconteceu no Japão deveria suscitar um debate melhor sobre as usinas nucleares", disse.





O senador Eduardo Suplicy (PT-SP) gostou particularmente da parte em que Obama cita a consolidação da democracia brasileira após a ditadura militar. "Foi muito positivo, porque ele ressaltou como o Brasil conseguiu, depois de viver o regime ditatorial, conquistar a democracia e como tem conseguido diminuir a pobreza."
(fonte: Jornal o Globo)